sexta-feira, 7 de novembro de 2008

S. Martinho

Começamos o dia com a lenda de S. Martinho que aqui deixamos:

Lenda de S. Martinho

Era uma vez um menino chamado Martinho. 0 Seu pai era general e treinava os soldados do Imperador.

Um dia, o Imperador ordenou que o pai de Martinho se transferisse para Pavia , em Itália.

Uma tarde, em Pavia , enquanto Martinho lançava o pião, rebentou uma trovoada. Martinho assustou-se tanto que correu a refugiar-se numa igreja.

Lá dentro estava um bispo a contar histórias de Jesus e dos Apóstolos.

- Que histórias tão bonitas... - disse Martinho.

Foi nessa altura que Martinho se começou a interessar e a aprender o catecismo. Ele e os amigos estavam tão entusiasmados, que decidiram viver da mesma maneira que viviam os santos que conheciam das histórias.

Alimentavam-se apenas de raízes e de frutos, mas acontece que, um dia, comeram cogumelos venenosos e adoeceram gravemente...

Quem Ihes valeu foi o bispo, que por ali ia a passar e Ihes trouxe leite, que os salvou do terrível veneno...

Martinho resolveu voltar para casa. 0 pai disse-lhe:

— És alto e forte. Acho que já podes ser soldado

Nesse mesmo dia, pai e filho foram ao palácio do imperador. Martinho recebeu uma espada, uma capa e a ordem para ir lutar para França. 0 pai explicou-lhe que metade da capa não Lhe pertencia: seria sempre do imperador e ele devia usá-la para se lembrar que estava ao serviço do Império

Uma tarde, ia Martinho a caminho da cidade de Amiens, quando rebentou uma grande tempestade. 0 vento soprava frio e Martinho aconchegou-se melhor dentro da sua capa quentinha...

Estava já a chegar as portas da cidade, quando viu, à beira da estrada, um homem a pedir esmola, cheio de frio.

Martinho parou imediatamente o cavalo. Procurou algumas moedas no bolso, mas nada encontrou...

Então teve uma ideia: - Vou dar-lhe metade da minha capa de soldado!

(Martinho não podia dar-lhe a outra metade, pois esta pertencia ao imperador)

Sem hesitar, pegou na espada, rasgou a capa em duas partes iguais e entregou uma metade ao homem. E, nesse momento, aconteceu um milagre

Para que nenhum dos homens passasse mais frio, as nuvens desapareceram e o sol brilhou com toda a força. É por isso que ainda hoje, quando faz sol em Novembro, dizemos que é o Verão de S. Martinho!

Martinho era um homem tão bom que se tornou santo. Hoje todos o conhecemos: no seu dia, 11 de Novembro, é costume fazer, uma festa onde se partilham castanhas em sua homenagem - o magusto.

Algumas fichas de conto:s.m1 s.m2 s.m5

s.m6 s.m3 s.m4 s.m7

Espero que gostem da lenda.

De tarde acabamos a experiência.

O QUE PRECISAMOS?

1 Copo com terra normaljardim Novembro 088

1 Copo com terra gelada, no congeladorjardim Novembro 087

2 Guardanapos

2 Copos com água pelas mesmas riscas

Caneta azul.

Como fizemos:

Pusemos os copos com terra em cima dos guardanapos com as riscas já feitas.jardim Novembro 085 jardim Novembro 086

Deitamos água nos dois copos ,ao mesmo tempo,jardim Novembro 089 e esperamos para ver o que acontecia. Vimos que a água que corria mais depressa foi a que se deitou no copo de terra jardim Novembro 094 que não foi ao congelador, porque molhou mais depressa as riscas do guardanapo. o guardanapo do copo de terra normal, já estava todo molhado ,e até a mesa, e só muito depois é que a água chegou às riscas do guardanapo do copo de terra geladajardim Novembro 095 no congelador.

Porque é que as folhas caem das árvores?

Porque a água não consegue entrar muito bem na terra congelada ou muito fria e não chega à raíz. E a raíz não pode alimentar a árvore que tem as folhas. A água ´que chega à raíz é pouca para a raíz alimentar as folhas. as folhas têm sede e ficam fracas. Ficam fracas e doentes e depois morrem. Chamam-se folhas caducas.

A água é importante para as árvores, para as flores e para os humanos: Beatriz.

Precisamos de água para sobreviver: Beatriz.

Também há àrvores que aguentam muito frio. Os pinheiros, os ciprestes,. Nessas árvores as folhas não morrem. Chamam-se árvores de folha perene.

Espero gostem do nosso dia. Nós gostamos. Terminamos o dia com a avaliação das tarefas e lanchamos o resto da aletria que sobrou de ontém.

Beijinhos e bom fim-de-semana.

Os Malandrecos

2 comentários:

lili11 disse...

Hey, where's d translator? I'm lost here. I know I'll love this page... the kids're drawing, writing, cooking .... let me know what's goin on ...

Os Malandrecos disse...

Still aright than it is to flavor. I'm going ALLURE EMBED The translator , ABOUT TO IN CASE THAT LOSE About here. thank you

As vogais

Seguidores

Os Malandrecos

Minha foto
Trás os Montes, Portugal